PES

7 de dezembro

Porque ainda não estamos em tempo de baixar os braços, a PES recomenda:

1 de dezembro de 2020

O TAMPINHAS ESTÁ DE VOLTA! 

O Projeto é para a comunidade educativa (alunos, professores, funcionários, pais e encarregados de educação…) do Agrupamento e tem como objetivo ajudar um menino, o Carlos, com uma cromossomopatia, uma deleção no cromossoma 1, a qual, por ser tão rara, não tem nome, apenas o código genético 1q 41q 42. Esta doença confere um atraso geral no desenvolvimento psicomotor.

Atualmente, o Carlos faz sessões de fisioterapia e de Hipoterapia no centro equestre João Cardiga e é para o ajudar a pagar estas sessões que iremos recolher as tampinhas.

Quando tivermos muitas, entrega-las-emos na empresa Resialentejo, em Beja, que irá contribuir para o seu pagamento.

Gostaríamos de voltar a contar com colaboração de todos.

Uma Tampinha Faz a Diferença!

A Equipa PES

PES (Promoção da Educação para a Saúde em meio escolar)

Tema: Ser Feliz!

Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), Saúde é o completo bem-estar físico, mental e social!

Objetivos

• Desenvolver a consciência cívica de toda a comunidade como elemento fundamental no processo de formação de cidadãos responsáveis, ativos e intervenientes;

• Fomentar o reconhecimento da saúde como um bem precioso e a tomada de consciência da responsabilidade de cada um na promoção da saúde individual e comunitária;

• Sensibilizar a comunidade escolar e as famílias dos alunos para a importância do trabalho na área de Educação para a Saúde, promovendo o seu envolvimento e participação nos projetos da escola;

• Fomentar a articulação entre os órgãos, estruturas, serviços da escola, instituições e/ou recursos comunitários, no desenvolvimento de ações no âmbito da Educação para a Saúde;

• Promover a adoção e a manutenção de estilos de vida saudáveis e a prevenção de comportamentos de risco.

A PES é um projeto de Agrupamento e propõem-se desenvolver/participar/coordenar/orientar atividades como comemoração de Dias Internacionais, Mundiais, Nacionais relevantes, promover/incentivar a atividade física (Ex- “Cami-nhada a Monsanto”), referenciar os alunos com necessidades educativas especiais e, caso seja necessário, elaborar os Planos de Saúde Individuais (PSIs), participar nos PCTs (Flexibilidade Curricular), promover palestras/ações de sensibilização para melhorar a qualidade de vida, desenvolver projetos como O Tampinhas” e (…)

A Saúde Escolar, UCC – Consigo Lisboa Ocidental e Oeiras, é a principal parceira do projeto, a PSP – Escola Segura e a CMLisboa são outras das entidades parceiras no projeto. O projeto conta, ainda, com a colaboração das Bibliotecas Escolares.